Proprietários de veículos aquáticos em Balsas estiveram reunidos em assembleia, no último dia 20 de julho, para fundar a Associação Náutica de Balsas. A Associação tem o objetivo de desenvolver medidas seguras acerca do uso de embarcações no curso do Rio Balsas.

Após a suspensão da lei municipal nº 1248/2014, que proibia o tráfego de veículos náuticos no perímetro urbano do Rio Balsas, forças de segurança e proprietários de veículos aquáticos estiveram reunidos a fim de firmar um acordo para conduta segura de embarcações no rio. Na reunião, foram alinhadas as regras para tráfego de veículos.

Ficou acordado que os veículos poderão percorrer o curso do rio se estiverem com os documentos devidamente regularizados e obedecendo um limite máximo de 5 a 10km de velocidade.

Será proibido o consumo de bebidas alcoólicas pelos condutores de veículos, as fiscalizações serão intensificadas pelo corpo de bombeiros e marinha, segundo as forças de segurança também serão realizados testes de etilômetro

Neste sentido, a Associação Náutica de Balsas se dispôs a implementar algumas medidas imediatas para a conduta segura de proprietários de embarcações e banhistas, são elas:

1. limitar velocidade de embarcações no percurso Canãa x AABB;

2. demarcar com boias a área exclusiva para banhistas;

3. demarcar estacionamento para embarcações;

4. instalar placas de sinalização.

A associação ainda informou que os condutores membros utilizarão adesivos no veículo e camisa oficial para que sejam identificados.

Veja a nota na íntegra:

(Fonte: Associação Náutica de Balsas)Com informações DdB

DEIXE UMA RESPOSTA