Saiba o que fazer após uma traição!

    0
    234

    Nem sempre o perdão é a melhor alternativa

    Um dos piores momentos na vida de uma pessoa é descobrir que foi traída. Nesse momento surgem milhares de dúvidas, sobre o seu relacionamento e sobre si mesmo, o que fazer agora? O que ela poderia ter feito para que não tivesse sido traída? Por qual motivo ela foi traída?

    Cada pessoa reage a uma traição de uma forma. E diversos fatores influenciam para que aquela pessoa tome uma decisão sobre o que fazer a partir daquele momento. Tudo depende também de como a traição ocorreu, foi um caso isolado, influenciado por outras coisas como dificuldades no casamento aliado com uma noite de bebedeira? Sua namorada precisava pagar as contas e arrumou um velho da lancha?

    Existem pessoas que optam por perdoar a traição e começar aquele relacionamento do 0. A maioria das pessoas não conseguem agir dessa forma, pois acreditam que uma vez que a relação chega ao fim por conta de quebra de confiança, resultado da traição, a mesma não pode mais ser restabelecida.

    Perdoar uma traição é absolutamente normal quando existe o interesse genuíno de ambas as partes de fazer dar certo, bem como o arrependimento de quem traiu. Ao escolher perdoar é passado toda uma borracha sobre aquele relacionamento e é como se aquelas pessoas estivessem se conhecendo novamente, uma chama se acende mais uma vez. Em alguns casos essa relação pode até ser ainda mais sólida e resistente do que era antes.

    Todavia, perdoar traição mais de uma vez e continuar sempre aceitando o traidor de volta, pode demonstrar algum problema de confiança e autoestima de quem foi traído, bem como uma possível dependência emocional naquela relação.

    Errar uma vez é humano, mas insistir no erro é burrice! Isso serve tanto para quem traiu quanto para quem foi traído. Se você deu a oportunidade daquela pessoa mudar e ela agiu da mesma forma, as traições vão continuar acontecendo até que você dê um basta nessa relação.

    DEIXE UMA RESPOSTA