EMSERH divulga três editais com 107 vagas e remuneração de até R$ 17 mil

    0
    601

    A Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh) publicou, nesta segunda-feira,27/12, três editais de seletivos com 107 vagas de contratação imediata e cadastro de reserva. Os contratados farão parte da Força Estadual de Saúde do Maranhão (FESMA), e atuarão sob a jurisdição da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

    Vagas

    As 107 vagas estão distribuídas em três editais. O edital 18/2021 traz 20 oportunidades para o cargo de Motorista, com carga horária de 40 horas semanais e salário de até R$ 3.570,00.

    O segundo edital, 19/2020, traz 12 vagas para a função de Técnico em Enfermagem. O requisito é possuir curso de nível técnico, com jornada de 40 horas semanais e remuneração de até R$ 5.134,44.

    O terceiro e último edital, 20/2020, é o que possui mais vagas, 75 no total. Os cargos de nível superior são para Assistente social, Educador Físico, Enfermeiro, Farmacêutico, Médico, Nutricionista, Psicólogo e Terapeuta ocupacional. A remuneração varia entre R$ 6.220,00 e R$ 17.780,00, com carga horária entre 20 a 40 horas por semana.

    Inscrições

    As inscrições vão até o dia 03 de janeiro de 2022, no site do Instituto de Assessoria, Seleção e Desenvolvimento Científico e Social (IASD). As taxas de inscrição são de R$ 40 para cargos de nível médio, R$ 55 para nível técnico e R$ 82 para o superior.

    Isenção

    O seletivo permite a solicitação de isenção completa do pagamento das inscrições. Para ter direito, o candidato deve estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica, ser membro de família de baixa renda e estar inscrito no Cadastro Único (CadÚnico) do Governo Federal.

    A solicitação da isenção do pagamento deve ser feita no campo correspondente do formulário de inscrição. O prazo máximo para pedir isenção é até esta segunda (27).

    Provas

    O Processo Seletivo será de uma única etapa, de caráter eliminatório e classificatório. Os critérios de seleção utilizados serão a avaliação de títulos e experiência profissional.

     

    Fonte: O Imparcial

    DEIXE UMA RESPOSTA