Lucas Leite Ribeiro Porto, 37 anos, é o principal suspeito de ter asfixiado e matado Mariana Santos, filha de Sarney Neto e sobrinha do ex-presidente José Sarney.

mariana

De acordo com a Polícia, Mariana foi estrangulada, dentro de seu apartamento, no Garden Park, localizado no Turu. O suspeito foi duas vezes no apartamento de Mariana. Após o ocorrido, Lucas, evitou o elevador optando por descer correndo desesperado pelas escadas.

Mariana deixa o marido e duas filhas pequenas que estão traumatizadas por presenciarem a cena de tamanha violência no quarto de sua mãe.

A sobrinha de Sarney foi encontrada desacordada com sinais de asfixia, como foram encontrados hematomas no pescoço, destacar-se a hipótese de asfixia, pois quando é asfixia mecânica o primeiro acontece por meio da utilização de gases deletérios, como o óxido de carbono, o gás de iluminação, o cloro, o bromo e outros.

Mariana estava desacordada, já chegou ao São Domingos com vida, mas não houve possibilidade de salvá-la. O pescoço da vítima foi pressionado e devido a interrupção de oxigênio, a sobrinha de Sarney não teve como resistir.

Como Mariana era evangélica, seu corpo está sendo velado na Igreja Batisa do Olho D’Água.

mariana-costa

Marina era sobrinha-neta do ex-presidente José Sarney e casada com o empresario Marcus Renato, filho do fazendeiro José Renato, dono de propriedades de criação de gado e do laticínio São José.

 

DEIXE UMA RESPOSTA